25/06/2010

A mosca e o coche.
Ia um coche com excesso carregado, e as vigorosas mulas que o puxavam por entre as pedras e lamas do caminho, pouco adiantavam. Animava‐as o cocheiro com a voz, incitava‐as com o chicote. Entretanto esvoaçava de uma para outra, em continua lida, uma mosca importuna fazendo o seu zunido. Por fim, venceu o coche as dificuldades do caminho: Graças a Deus, exclamou a mosca: cansei‐me e afadiguei‐me; mas enfim eis ai desembaraçado o coche; como não estariam essas pobres mulas, e esse pobre cocheiro, se lhe não tivesse valido!
MORALIDADE. ‐ Moscas destas não são raras de encontrar em toda a casta de negócios.

Um comentário:

lucas_costa disse...

muito boa a ILUTRAÇÃO QUE DEUS TE ABENÇOES POR TA BOTANDO AS COISAS DE DEUS NA INTERNET E QUANTO MUITOS ESTÃO VENDO O QUE NÃO DIVIA TU FAZ A OBRA DE DEUS GLÓRIA DE DEUS ALELUIA QUE DEUS TE ABENÇÕE E TODOS QUE LERAM ESSA MENSAGEM E ESSE COMENTÁRIO.

Destaque

Conta-se de dois peregrinos que decidiram visitar a imortal cidade de Belém, por ocasião das celebrações do Natal. Partiram muitos meses ant...